Bom dia amorecas, como foi o finde??

O meu foi ótimo embora cheioooo de saudades do meu finde passado lá em Pipa, quero de novoooo!!! kkkkkk

Segue uma matéria legal para vocês sobre chapéus, espero que gostem!!

 

Chapéus de praia também na rua

 

Sinônimo de estilo e personalidade, ele agrega valor até ao look mais simples

 

O chapéu é um dos acessórios femininos mais antigos da história. Ele surgiu na idade média como uma imposição da igreja católica para cobrir o rosto das mulheres e foi se modernizando através dos tempos, tornando-se um dos adereços mais cobiçados pelo mulherio. Mais tarde, durante a Revolução Francesa, ele passou a ser confeccionado em grande escala, fosse em veludo e feltro para o inverno ou em palha e tecidos finos para o verão, variando em formas , modelos e trejeitos. Com a evolução da moda, o chapéu passou a ser sinônimo de estilo e personalidade, agregando valor e trazendo bossa até mesmo para o look mais simples. Queridinho nos Estados Unidos e na Europa, o acessório ainda encontra resistência no Brasil, principalmente no Nordeste, onde fica limitado ao ambiente da praia. Porém, esse pensamento está começando a mudar e, cada vez mais, as pessoas investem em modelos como o “panamá” e o “fedora” para desfilar pelo cenário urbano.

 

Chapéus Movimento

 

Para Tininha da Fonte, à frente da loja especializada em moda praia e casual Movimento, a popularidade do chapéu é inversamente proporcional ao medo de usá-lo: “O acessório está em alta porque a brasileira está perdendo o receio na hora de combiná-lo com peças que já usa no dia a dia como um short jeans ou um vestido soltinho”, comenta. Aliás, a peça é extremamente democrática e vai bem com todos os estilos.

O famoso modelo “panamá”, por exemplo, é feito em palha e combina perfeitamente com o estilo de vida praiano da região. Aposta certeira para quem gosta de um look mais esportivo, ele pode ser usado com camisa, short com pregas e sandália sem salto, ideal para a praia, para o campo, e eventos ao ar livre.

 

Panamá

 

Parecido com o panamá, o chapéu “fedora” compõe um visual mais moderno por ser feito de feltro e possuir risca em couro ou cetim. Inicialmente usado pelos homens, ele traz um ar de sofisticação e deixa o look mais boêmio. “Para uma pegada mais rocker, combine com uma camiseta podrinha e jeans skinny. É a composição ideal para shows e festivais diurnos”, ensina Tininha. Diversificado, esse modelo ainda cai bem em eventos que exijam um pouco mais de formalidade. Nesse caso, combine-o com um terninho ou um vestido leve e sem brilho, afinal, o acessório é a peça-chave.

 

Fedora

 

 

Para as mais ousadas, o modelo floppy é o must-have da vez. Com copa arredondada e abas extremamente largas, ele traz referências do estilo hippie dos anos 60, conferindo romantismo e despojamento ao look. Apesar de ser ótimo para climas quentes, ele também dá um toque de elegância ao visual de inverno, se combinado com casacões e peças mais pesadas.

 

Floppy

 

 

Mas atenção: “a mulher precisa ter atitude e segurar o look, ou o chapéu vai parecer completamente fora de contexto no ambiente”, completa a especialista.

 

foto

E eu meninas, fiquei bem de chapéu??

Eu amei!!!

foto

FacebookTwitterGoogle+PinterestEmail

Deixe um comentário

IMG_0744

Too Faced finalmente no Brasil!!!dez, 17 | 0 Comentário

Chegou no Brasil!!! Quem resiste a tanta coisa linda?? Agora tem TOO FACED na Sephora, que delicia cremosa hein??? Kkkkkkk Chegou uma caixa tão tão linda que meu coração chega […]

FacebookTwitterGoogle+PinterestEmail